Data: 11/03/2020 - 15:03:14

Câmara lança competição de projetos
para nova ponte do parque Tingui

  • A ponte do parque Tingui foi vistoriada pela comissão especial em novembro passado. (Foto: Carlos Costa/CMC)
  • A vistoria técnica contou com o apoio de engenheiros do ITE e ITTI. (Foto: Carlos Costa/CMC)
  • A ponte do Tingui precisa de monitoramento constante devido ao fluxo intenso de veículos e à falta de controle de carga. (Foto: Carlos Costa/CMC)
  • Os engenheiros recomendaram a construção de uma nova ponte, respeitando as características arquitetônicas do lugar. (Foto: Carlos Costa/CMC)
A Câmara Municipal de Curitiba (CMC) lança, nesta quinta-feira (12), a competição “Talento Urbanístico Jovem” para escolher um novo projeto arquitetônico para a ponte de madeira do parque Tingui, em Curitiba. Organizado pela Comissão Especial para Avaliação de Pontes e Viadutos, o concurso é voltado apenas a estudantes matriculados em cursos de Arquitetura de nível superior, reconhecidos ou autorizados pelo MEC (Ministério da Educação). As inscrições poderão ser feitas aqui.

Conforme o edital, a participação no concurso pode ser individual ou em grupo (com no máximo cinco integrantes). Não há taxa de inscrição e cada universitário pode participar uma única vez do processo. É preciso anexar o comprovante de matrícula no formulário de inscrição, tanto para quem vai concorrer sozinho como para cada um dos membros do grupo que se inscrever.

O prazo para inscrições e entrega de projetos termina dia 30 de março. Pelo edital, a ponte deve ter, no mínimo, 16 metros; deve respeitar as vias de automóvel, pedestre e ciclovia; e ter guarda corpo em ambos os lados. O projeto deve observar, obrigatoriamente, a relação urbana e comprometimento com sítio de implantação e sustentabilidade. São quatro os critérios de seleção: apresentação, integração com o entorno, solução funcional e design.

A Comissão Especial de Pontes e Viadutos, com apoio técnico, é quem vai escolher o projeto vencedor. A premiação, que será anunciada no dia 2 de abril, será um troféu e voto de congratulações e aplausos. Todos os participantes do “Talento Urbanístico” receberão 30 horas complementares emitidas pela CMC.

De “regular para ruim”

A ponte do parque Tingui foi vistoriada pela comissão especial em novembro passado. A inspeção técnica teve o apoio do Instituto de Engenharia do Paraná (IEP) e do Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura (ITTI) da UFPR. Na ocasião, os engenheiros observaram que a situação da estrutura – reformada pela Prefeitura de Curitiba há cerca de dois anos – é de “regular para ruim”.

Esse diagnóstico prévio foi confirmado em relatório elaborado a partir de fotografias e medições com equipamentos feitas durante a vistoria. Nele, os técnicos do ITTI e IEP observaram que a ponte tem aspectos de obra provisória, exigindo monitoramento constante devido ao fluxo intenso de veículos e à falta de controle de carga. Para solucionar o problema, eles recomendaram a construção de uma nova ponte, respeitando as características arquitetônicas do lugar.

A comissão
Formada por nove vereadores, a Comissão Especial de Pontes e Viadutos foi instalada em novembro de 2019 para vistoriar e avaliar a segurança das pontes e viadutos, estabelecer um catálogo oficial e apresentar à Prefeitura de Curitiba e demais órgãos competentes um relatório com o resultado das inspeções e demais atividades. O objetivo é prevenir acidentes e tragédias, como os registrados em outras cidades brasileiras, geralmente por falta de manutenção.

Presidido por Mauro Ignácio (PSB), o colegiado tem Professor Silberto na vice-presidência (MDB) e Bruno Pessuti (PSD) na relatoria. Também participam, conforme a proporcionalidade dos partidos representados na Casa, os vereadores Cacá Pereira (DC), Dr. Wolmir Aguiar (PSC), Marcos Vieira (PDT), Maria Manfron (PP), Oscalino do Povo (Pode) e Serginho do Posto (PSDB). Em dezembro, os membros integrantes aprovaram o relatório parcial das vistorias técnicas. Já o prazo de duração inicial dos trabalhos, que era de 30 dias, foi prorrogado pelo plenário da CMC por mais 120 dias.

Denúncias e sugestões
O site da Câmara de Vereadores disponibiliza um canal para o envio de denúncias e sugestões à Comissão Especial. O banner está disponível na capa do site do Legislativo. Além das redes sociais, postando uma foto da ponte ou viaduto mais a hashtag #ponteseviadutoscuritiba, a população pode enviar um e-mail para comissao.ponteseviadutos@cmc.pr.gov.br.


Texto:   Pedritta Marihá Garcia
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
  • Fotos:

Voltar